O que desestabiliza sua rotina?

Sempre escutei de clientes, amigos, colegas de trabalho, reclamações sobre as mudanças ou demandas que “não estavam previstas no plano”. Isso desestabiliza e podemos ir rapidamente da ordem ao caos. O impacto depende de quem está envolvido e também da nossa disposição para mudanças.


O que respondo para quem me procura e me conta essas situações? Primeiro eu digo para respirar fundo, pois às vezes esquecemos de dar atenção para uma boa respiração. Isso sempre ajuda, seja para se acalmar ou retomar o fôlego para compartilhar suas angústias.

Depois retomamos juntas os caminhos já percorridos, os obstáculos e dificuldades que superou em relação à organização e a partir daí, encontramos os próximos passos.


Conto isso tudo aqui, pois mesmo que você já tenha aplicado diversas ferramentas, métodos, dicas de organização em sua rotina, pode ser pega de surpresa com algo que desestabiliza e às vezes vira tudo de pernas para o ar mesmo. E está tudo bem! Na minha casa acontece com frequência.


E qual a diferença para não colocar todo o planejado a perder? Descobrir o que na sua rotina que ao sofrer uma mudança significativa desestabiliza, ou seja, aquilo que se for diferente impacta em todas (ou na maioria) as demais tarefas do dia. Com essa informação, pensar em estratégias, em soluções que rapidamente ajudarão você a se organizar novamente.


Hoje, o que mais impacta no meu dia a dia são as mudanças nas atividades da minha filha. Não tem como prever quando e o que sairá do plano, mas sabendo disso consigo ver o que preciso mudar para me adaptar. Um exemplo simples: digamos que precisarei cuidar da minha filha por mais horas no dia do que costumo fazer, pois quem me ajuda teve imprevistos naquele dia e precisou cancelar em cima da hora. O plano B é chamar alguém que possa substituir, que já me socorre normalmente. O plano C é verificar quais as minhas tarefas do dia precisarei adiar, se tenho que avisar alguém, que compromissos posso cancelar, etc.


Enfim, todo o repertório de organização que você usa vai ajudar nesses momentos de aperto! Confie em você.


(Texto escrito para o blog Benditas Mães em 16/02/2021)


13 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo